Share on Facebook4Pin on Pinterest0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Email this to someone

FRENULOPLASTIA

Porquê a Frenuloplastia?

A frenuloplastia é uma intervenção cirúrgica simples no pénis – não confundir com circuncisão – que consiste no corte do freio que liga o prepúcio à glande. A sua denominação vem de frénulo ou «freio» do pénis, que é uma prega de pele, de forma triangular, que se localiza na parte inferior da glande e a liga à pele do prepúcio.

O frénulo pode romper-se durante as relações sexuais ou a masturbação, mas há casos em que pode ser demasiado curto e prejudicar o sexo. Quando esta pele é curta demais, pode causar uma curvatura do pénis e provocar dor na altura da erecção, condição conhecida como frénulo breve.

Na maioria dos casos, pode não ser necessária cirurgia, pois a pele pode esticar com o tempo e deixar de curvar o pénis ou de provocar dor. No entanto, noutros casos, pode romper-se e causar dor e sangramento.

A frenuloplastia consiste assim no corte ou remoção cirúrgica do freio, quando a sua presença restringe a amplitude de movimentos entre tecidos interligados. O objectivo do tratamento é possibilitar a retracção normal do prepúcio.

Esta intervenção cirúrgica pode ser realizada ao mesmo tempo que uma circuncisão, mas o mais normal é ser efectuada separadamente.

Procedimentos da Frenuloplastia

O paciente deve comparecer no local da operação 30 minutos antes da intervenção cirúrgica. Um dia antes, deve realizar uma tricotomia, ou seja, depilar toda a região genital para evitar uma infecção.

Não há necessidade de jejum, mas o paciente deve levar um acompanhante para a cirurgia.

Depois da intervenção cirúrgica, mais precisamente nas primeiras horas subsequentes, o paciente deve fazer compressas com gelo para aliviar a dor e reduzir o edema, assim como o risco da formação de hematomas.

O curativo deve ser retirado no dia seguinte à operação, durante o banho. Deve ser utilizado sabonete neutro e refeito o curativo até ao terceiro dia após a intervenção cirúrgica.

Não há necessidade de retirar os pontos, já que cairão naturalmente, por si. A cicatrização deve estar concluída entre 45 a 60 dias após a intervenção. Devem ser evitadas relações sexuais nos 30 dias seguintes à frenuloplastia, para não dificultar a cicatrização e deve ser administrado antibiótico durante uma semana após a intervenção, para reduzir o risco de infecção local.

Durante a primeira semana após a operação, o paciente deve estar em repouso relativo, evitando caminhadas, carregar peso, correr ou fazer qualquer tipo de desporto, bem como conduzir automóveis, motos ou bicicletas. O desporto, no geral, deve ser evitado  durante as primeiras três semanas a seguir à cirurgia.

Dúvidas?

Coloque-me as suas questões.


O SEU NOME*

O SEU EMAIL*

TELEFONE*

ESTOU INTERESSADO(A) EM*:

MENSAGEM


O SEU NOME*
O SEU EMAIL*
TELEFONE*
ESTOU INTERESSADO(A) EM*:
MENSAGEM
Share on Facebook4Pin on Pinterest0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Email this to someone