Share on Facebook0Pin on Pinterest0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Email this to someone

CORRECÇÃO DE PTOSE PALPEBRAL

Correcção de Ptose palpebral

O que é a Ptose Palpebral?

Designa-se ptose palpebral quando as pálpebras cobrem excessivamente a córnea ou o limbo do olho, isto é, estão descaídas em relação à posição normal.
Pode ser congénita (estar presente desde o nascimento) ou adquirida.

Sintomas

Pode ser assintomática, provocar dificuldades no campo de visão, dores de cabeça, sensação de peso sobre os olhos, cansaço, posicionamentos anormais compensatórios da cabeça(ex: elevação do queixo). Muitas vezes as pessoas que sofrem deste problema têm uma compensação através da contracção da musculatura frontal para levantar o sobrolho e a pálpebra.

Causas
  1. Congénita: associada a malformações do músculo elevador da pálpebra;
  2. Adquirida:
    • miogénica- provocada por doenças musculares, desinserção/ fraqueza do músculo elevador da pálpebra ou processos inflamatórios do músculo (ex. o uso crónico de lentes de contacto pode provocar inflamação do músculo elevador da pálpebra);
    • neurogénica- provocada por doenças nervosas, tumores cerebrais, etc.
    • mecância- provocada por alterações físicas da pálpebra, como massas tumorais da pálpebra ou processos de cicatrização secundários a traumatismos;
  3. Dermatocalásia palpebral: pele em excesso que perdeu a sua elasticidade e se tornou pendente, que também provoca a sintomatologia acima mencionada, mas que não é de causa muscular na sua origem. Acontece frequentemente em pessoas de idade, caracterizando-se por uma redundância de pele que pode também limitar as actividades visuais.
Tratamento

Cirúrgico, por motivos estéticos ou funcionais.
Consiste na correcção/reposicionamento do músculo elevador da pálpebra ou, em alguns casos, na remoção do excesso de pele.
Trata-se de uma intervenção frequente, realizada com anestesia local na maioria dos casos, através de uma incisão praticamente imperceptível na pálpebra superior, com um pós-operatório simples. É um procedimento extremamente gratificante.

VEJA O QUE A DRª. LUÍSA RAMOS TEM A DIZER SOBRE PTOSE PALPEBRAL:

Dúvidas?

Coloque-me as suas questões.


O SEU NOME*

O SEU EMAIL*

TELEFONE*

ESTOU INTERESSADO(A) EM*:

MENSAGEM


O SEU NOME*
O SEU EMAIL*
TELEFONE*
ESTOU INTERESSADO(A) EM*:
MENSAGEM
Share on Facebook0Pin on Pinterest0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Email this to someone