Abdominoplastia – Saiba mais

Se Gostou Partilhe...
Share on Facebook
Facebook
0Pin on Pinterest
Pinterest
0Tweet about this on Twitter
Twitter
Email this to someone
email

Técnica cirúrgica

Existem várias técnicas para realizar uma abdominoplastia. Estas técnicas variam segundo a paciente em questão e a preferência do cirurgião que vai efectuar o procedimento.

A abdominoplastia pode ser realizada em simultâneo com outras técnicas e procedimentos de contorno corporal, nomeadamente a lipoaspiração, tratando-se então de uma lipoabdominoplastia.

Esta cirurgia é realizada, normalmente, com recurso a anestesia epidural com sedação, podendo, no entanto, ser também efectuada com anestesia geral, dependendo da indicação.

Cicatrizes

Na abdominoplastia, as incisões, que são duas, são colocadas à volta do umbigo e ao fundo do abdómen, num procedimento semelhante ao de uma cesariana, embora com cicatrizes de maiores dimensões.

Vão ficar duas cicatrizes, uma horizontal, localizada acima dos pelos púbicos e outra à volta do umbigo. Esta cicatriz horizontal vai estender-se de um lado ao outro do abdómen e ser ligeiramente arqueada.

LMR - Cirurgia Plástica - Abdominoplastia

                            Antes                                          Depois

No entanto, na maior parte dos casos, a cicatriz pode ficar escondida pela roupa interior ou pelo bikini, sendo que a cicatrização passa por uma característica pessoal, que varia de pessoa para pessoa.

O procedimento

No âmbito da abdominoplastia, o cirurgião plástico vai avaliar o abdómen, ponderando se os músculos estão afastados, qual a tonicidade da pele, se existem estrias, bem como a localização e quantidade da gordura acumulada.

A forma e a extensão da incisão horizontal vão variar consoante a quantidade de pele a ser removida. A outra incisão, localizada ao nível do umbigo praticamente não deixa cicatriz.

Estas abordagens vão possibilitar a aproximação dos músculos da parede abdominal com uma sutura para que fiquem mais rígidos e permitam uma maior definição da cintura. Vai ser assim possível remover o excesso de pele e esticar a que permanece, sendo efectuado um orifício para a recolocação do umbigo numa nova posição.

Normalmente, no âmbito da abdominoplastia, colocam-se dois drenos para evitar a acumulação de líquidos no abdómen. Estes drenos são retirados cerca de 24 a 48 horas após a intervenção cirúrgica.

No decorrer de uma abdominoplastia, podem ser efectuados outros procedimentos cirúrgicos em simultâneo. Intervenções como a lipoaspiração ou a lipomodelação corporal podem contribuir sobremaneira para um melhor resultado estético e para um melhor contorno corporal.

Saiba mais sobre este procedimento no nosso website ou marque a sua consulta pelos números: 21 099 91 38 | 91 081 29 92

Se Gostou Partilhe...
Share on Facebook
Facebook
0Pin on Pinterest
Pinterest
0Tweet about this on Twitter
Twitter
Email this to someone
email