Lipoabdominoplastia (Imagens Antes e Depois) – Caso Clínico #76230

Se Gostou Partilhe...
Share on Facebook
Facebook
0Pin on Pinterest
Pinterest
0Tweet about this on Twitter
Twitter
Email this to someone
email

Lipoabdominoplastia – Vídeo Antes e Depois:

Lipoabdominoplastia – Caso Clínico Antes e Depois em fotos:

Imagem 1: Fotos anteriores de perfil 3/4 (antes e depois) da Lipoabdominoplastia

Imagem 2: Fotos posteriores de perfil 3/4 (antes e depois) da Lipoabdominoplastia

Imagem 3: Fotos de perfil do corpo (antes e depois) da Lipoabdominoplastia

Imagem 4: Fotos posteriores do corpo (antes e depois) da Lipoabdominoplastia

Nota: Estas imagens antes e depois têm um intervalo de 1 mês.

Imagem1Imagem2

Apresentação do Caso Clínico:

Mulher de 46 anos, mãe de sete filhos que apresentava adiposidade localizada no abdómen e no dorso (flancos).
Foi realizada lipoabdominoplastia. Este termo significa que associada à abdominoplastia foi também realizada lipoaspiração.
A lipoaspiração permite remover o excesso de gordura e modelar o contorno corporal de uma forma mais completa do que quando a abdominoplastia é realizada isoladamente.
Neste caso, havia o intuito de devolver cintura, pois apresentava uma forma muito rectangular. A abdominoplastia permite remover o excesso de pele e de algumas estrias (toadas as que estão abaixo do umbigo) e ao mesmo tempo, tratar a musculatura abdominal (através da plicatura dos músculos rectos abdominais). No fundo, é semelhante a fazer uma “cinta interna” ao reposicionar as estruturas musculares afectadas pelas gravidezes.
Para além disso, aproveitou-se também a gordura aspirada e, após tratamento e preparação da mesma, injectou-se em áreas estratégicas dos glúteos de forma a melhorar o contorno. É também de salientar que um dos objectivos da vibrolipoaspiração do dorso foi diminuir as pregas cutâneas na zona por baixo do soutien, tendo-se conseguido melhorar significativamente o aspecto, embora nem sempre seja possível remover na totalidade. É importante referir que esta paciente apresenta escoliose (desvio da coluna) o que lhe confere um posicionamento como se estivesse torta, provocando algumas assimetrias.
Esta cirurgia foi efectuada com epidural e sedação, demorou cerca de 3h30 e teve um período de recobro inferior a 24h.  No período pós operatório teve de utilizar cinta de compressão e realizar várias sessões de drenagem linfática.
Estas imagens tem um intervalo de um mês entre o antes e o depois e  ainda se observa bastante edema, sendo expectável que o resultado vá melhorando até ao fim de seis meses. A abdominoplastia implica uma cicatriz no fundo do abdómen mais extensa do que a cicatriz de uma cesariana, bem como uma cicatriz à volta do umbigo.
Esta paciente apresentava anemia pré-operatoriamente e teve de fazer tratamentos específicos para melhorar esse parâmetro de forma a poder realizar a cirurgia com a maior segurança possível.

Veja Também:

Imagem1Imagem2

 

 

O SEU NOME*

O SEU EMAIL*

TELEFONE*

ESTOU INTERESSADO(A) EM*:

 

 

MENSAGEM

 

Informação Adicional:

Se tiver alguma dúvida sobre este tema, contacte-nos através deste formulário ou deixe-nos a sua questão na zona dos comentários.

Em alternativa, também pode visitar a nossa clínica de cirurgia plástica em Lisboa.

 

Nota importante:

As fotos antes e depois apresentadas nesta página e neste website são meramente demonstrativas e podem não servir de referência para o seu caso em particular. Estas imagens servem apenas para mostrar possíveis resultados para um ou vários procedimentos cirúrgicos. As imagens que utilizamos são de pacientes que consentiram a sua utilização. Estas imagens não representam nenhuma garantia de resultados.

Se Gostou Partilhe...
Share on Facebook
Facebook
0Pin on Pinterest
Pinterest
0Tweet about this on Twitter
Twitter
Email this to someone
email